Advogado? Psicólogo? Engenheiro? O mercado financeiro é para você

Advogado? Psicólogo? Engenheiro? O mercado financeiro é para você

Muito, muito mais que ganhar dinheiro.

Depois do mercado financeiro você estará pronto para qualquer desafio profissional na sua carreira.

Todos (ou quase todos) os modelos de negócio são baseados na meritocracia, ou seja, você recebe o quanto está disposto a se doar no trabalho. Quanto mais dedicado, focado, curioso, estudioso você for, mais o mercado vai te proporcionar oportunidades, aprendizado e crescimento.

O mercado financeiro é para quem é persistente, não adianta procurar desenfreadamente uma vaga. É um processo de autoconhecimento, análise das possibilidades e formação adequada que te farão ser um profissional de alto impacto.

Existe espaço no mercado financeiro para qualquer tipo de profissional, independente do seu background. No final das contas, é um jogo de quem quer mais. Quem tiver mais vontade de buscar a excelência naquilo que faz, certamente vai se diferenciar de quem quer ficar na média, e no mercado financeiro a média não passa de ano.

Essa busca incansável pela excelência, junto a um ambiente meritocrático, torna qualquer profissional preparado para atuar em qualquer outra área além do mercado financeiro. Por isso, vale muito a pena pensar em uma trajetória profissional na qual inclui um dos ambientes mais competitivos.

Mas agora, vamos a algumas ideias de profissões, em que cada área deve levar em consideração, como carreira no mercado financeiro:

Profissional de Direito:

Quem possuí bacharel em Direito pode encontrar espaço em áreas de M&A, que é a área de fusões e aquisições, geralmente de bancos de investimento. Ou seja, onde se faz um estudo completo que incluí principais gastos, contas, nichos de mercado, expectativas de crescimento para avaliar as melhores decisões a serem tomadas, como fundir duas empresas ou uma empresa ser controladora da outra. A área de IB (Investment Bank) envolve assessoria em fusões e aquisições, desinvestimentos, reestruturações, cisões, reorganizações e demais operações societárias.

Engenharia:

É muito comum encontrar um engenheiro no mercado financeiro, principalmente de produção. Eles costumam ocupar cargos como o de analista em gestoras e bancos, por exemplo. Seu gosto pela precisão em números muitas vezes reflete, na prática, em análises bem fundamentadas e relevantes para tomadas de decisão.

Contabilidade:

O contador pode trabalhar com renda variável, por exemplo, em que a função dele principalmente é transformar dados em informações valiosas e disponibilizar o maior número possível dessas informações para empresas parceiras, sócios, analistas do mercado para que se avalie a melhor decisão em relação a decisão entre produtos financeiros, ou seja, o contador pode trabalhar diretamente no mercado de capitais. Uma outra área, com presença relevante de contadores, dentro das empresas do mercado financeiro é a auditoria interna.

Psicologia:

O psicólogo no mercado financeiro é fundamental, afinal, ele é a pessoa responsável pelo desenvolvimento de cada integrante da empresa. Sim, você, psicólogo é muito bem-vindo na área de recursos humanos, por exemplo. Faz parte das funções desse profissional o recrutamento de novos profissionais e alocação nas vagas certas buscando o melhor resultado possível. Um profissional bem capacitado pode ser uma peça chave no planejamento da empresa, principalmente quando tem relação direta com a diminuição da taxa de turnover.

Se você é algum dos profissionais citados acima e tem vontade de trabalhar no mercado financeiro, clique aqui e converse com um dos nossos consultores de carreira.

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *